Loading...
dicas

Como Escolher sua Prancha de SUP


Guia definitivo com tudo que você deve saber antes de comprar uma Prancha de Stand Up Paddle


Existem pranchas de todos os tamanhos, formatos, materiais e preços. A que é melhor para uma pessoa não necessariamente é a melhor para outra. Então, a primeira coisa que temos que pensar antes de escolher o SUP é: como vamos utilizá-lo? Afinal tem gente que gosta de surfar, outros preferem fazer longas travessias (como eu), ou descer corredeiras em rios, tem quem gosta de praticar yoga, os que vibram nas competições de velocidade e ainda tem o pessoal que quer levar a família toda pra passear.

Com isso em mente, veja as variáveis a seguir. Depois de ler esse pequeno texto, você saberá escolher a prancha perfeita para o seu tipo de remada. Olha só!


Prancha Inflável x Prancha Rígida

Prancha Inflável ou Prancha Rígida de SUP

A Inflável é bem mais fácil de transportar e guardar. Em geral elas vêm numa mochilona que cabe no porta-malas do carro e pode ser despachada no avião como uma bagagem comum. Para encher demora menos de dez minutos, mas muita gente reclama do trabalho que dá, principalmente o final, quando você já está quase no limite de pressão que a prancha aguenta.

Além disso, a inflável sofre menos com batidas, não quebra, nem tem infiltração. Porém, se raspar com força ela fura e é difícil consertar.

A Prancha Rígida costuma ter um desempenho melhor. Ela é mais rápida e eficiente, ou seja, você precisa de menos remadas para andar a mesma distância. E no surfe a rígida faz ainda mais diferença, sendo mais capaz de fazer manobras do que a inflável.

Ela não fura, mas qualquer batida um pouco mais forte deixa sua marca. Se o dano for profundo, a prancha começa a sofrer com infiltração. Aí ela fica super pesada e perde desempenho.

Entre as pranchas mais caras há soluções que tentam minimizar os pontos negativos de cada uma. Por exemplo, tem pranchas infláveis com áreas mais rígidas ou até com estruturas de fibra de vidro e de carbono. Nas rígidas, há marcas que fazem uma camada emborrachada por fora para protege-las das batidas e até pranchas desmontáveis, divididas em duas partes menores, para facilitar o transporte.

Mas, de modo geral, dá para simplificar os prós e os contras da seguinte maneira:

Prancha inflável ou prancha rígida, qual é melhor? Aqui os prós e contras de cada uma.


Tamanho e Formato do SUP

Tamanho e Formato da Prancha de Stand Up Paddle

Comprimento

Quanto mais comprida a prancha, mais velocidade máxima ela vai ter e mais difícil vai ser de fazer ela virar (menor manobrabilidade).

Em geral, pranchas abaixo de 10 pés costumam ser para sup surfe.


Largura

Quanto mais larga ela for, mais estável será a prancha. Por outro lado, ela terá mais atrito contra a água, deixando-a mais lenta e menos eficiente (remadas por deslocamento).

As pranchas de competições de velocidade costumam ter menos de 27 polegadas de largura.


Bico (ou Proa)

Em geral os SUPs com bico em V são mais rápidos e usados para travessias e provas de velocidade. As pranchas com bico curvo são mais manobráveis e usadas para surfe, yoga e passeios curtos. O formato do bico não influencia o equilíbrio na prancha.


Volume

O volume da prancha de SUP é dado em litros e está diretamente relacionado a capacidade de flutuação. Quanto mais volume a prancha tiver, mais peso ela suporta. Então se você é mais pesado, ou pretende levar mais pessoas na prancha, ou até equipamentos e malas, procure uma prancha com volume maior. Se não, a prancha vai ficar mais afundada na água, diminuindo muito a eficiência e o equilíbrio.

Só não esqueça que mais volume implica também numa prancha mais pesada.


Quilha

Pranchas com mais de uma quilha são mais manobráveis e usadas principalmente para SUP Surf. As pranchas com quilha única seguem mais o trilho, ideal para remadas longas e velocidade, já que possibilitam que você troque menos vezes o lado da remada. Quanto maior a quilha, mais estabilidade e capacidade de se manter numa linha reta a prancha vai ter.


Texto: Daniel Aratangy

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *