Loading...
Corrida de sup Kopa King of Paddle
ilha mar SP travessia

Kopa the King of Paddle

Minha primeira competição de Stand Up Paddle
Momentos antes da largada do Kopa King of Paddle, em Toque-Toque Pequeno
Momentos antes da largada do Kopa King of Paddle, em Toque-Toque Pequeno

Não sei onde tava com a cabeça quando me inscrevi nessa prova. Podia ter me juntado aos amadores, numa remada de 6 km, ou duelar com os maiores campeões brasileiros, fazendo o dobro do trajeto. Apesar de ter zero experiência em corridas, não hesitei nem um segundo. Escolhi a prova dos profissionais.

É claro que fiquei pra trás, mas não esperava que fosse assim, na primeira remada. Logo que soaram o apito, remei forte e, quando olhei pra frente, já estava em último, rs. Um pequeno grupo de retardatários se formou e percebi que minha prova seria contra eles.

Começo da prova, em Toque-Toque Pequeno
Começo da prova, em Toque-Toque Pequeno

O mar tava agitadíssimo, com ondulações grandes. Os organizadores até decidiram que a largada seria feita dentro da água. Na praia, as ondas quebravam forte demais. Algumas pessoas desistiram de competir. Eu entrei no mar com bastante dificuldade. Na primeira tentativa, tomei um caldo, como há muito não tomava. Senti areia dentro da minha boca. Disfarcei, fingido que tava ótimo e fui para um outro ponto da praia. Aproveitei um intervalo na série de ondas e passei a rebentação no limite, um segundo antes de uma das gigantes quebrar. Depois, tive que entrar na água para tirar areia dos bolsos, do cabelo, dos ouvidos…

Um dos participantes tentando passar pela rebentação
Um dos participantes tentando passar pela rebentação

Na linha de partida, percebi que eu era o único, de todas as categorias, com prancha inflável. O astral era ótimo, apesar do frio que fazia aquele dia. Todos trocando dicas e desejando boa sorte aos companheiros.

Posição de larga no Kopa King of Paddle
Posição de larga no Kopa King of Paddle

Depois da largada, resolvi fazer um trajeto diferente dos outros. Pensando na direção do vento e das ondas, apontei a prancha para o meio da Ilha de Toque-Toque. Era um caminho menos reto, maior, mas que me protegeu um pouco das forças contrárias, e acabei ganhando algumas posições.

Dá pra ver bem o mar agitado nessa foto oficial do evento, de Fabio Mota
Dá pra ver bem o mar agitado nessa foto oficial do evento, de Fabio Mota

Atrás da ilha, o mar tava ainda mais mexido. Caí algumas vezes até que resolvi remar ajoelhado. Um outro competidor, também de joelhos, me ultrapassou. Ficamos lado a lado por alguns quilômetros, mesmo depois de dar a volta na ilha e ficarmos de pé. Essa foi a parte mais emocionante da prova. No final, acabei conseguindo me distanciar dele e quase alcancei um outro.

Lutando contra vento e ondas na parte de trás da Ilha de Toque-Toque Grande
Lutando contra vento e ondas na parte de trás da Ilha de Toque-Toque Grande

Terminei na 22a colocação, feliz da vida. Adorei a experiência, mas decidi que na próxima vez, vou com meus colegas amadores. Deve ser ainda mais bacana remar com pessoas que estão no mesmo nível que eu. Agora, já sei.

A chegada, depois de duas horas remando com força total
A chegada, depois de duas horas remando com força total

 

DADOS DA TRAVESSIA DE SUP

Distância = 12 km

Duração = 2 horas

Prancha = Brazzos Inflável 12’6’’ x 28”

Condições = Vento médio, contra na ida e a favor na volta. Ondas grandes laterais.

Cidade = São Sebastião – SP

Mapa da prova de stand up paddle em Toque-Toque Pequeno
Mapa da prova de stand up paddle em Toque-Toque Pequeno

COMO CHEGAR EM TOQUE-TOQUE

As praias Toque-Toque Grande e Toque-Toque Pequeno são acessíveis pela BR101, a Rodovia Rio-Santos. Ficam logo depois da praia de Maresias.

É bem tranquilo chegar na Ilha de Toque-Toque Grande remando, saindo de qualquer lugar da costa, mas lá não tem nenhuma praia e desembarcar pode ser difícil.

 

Texto e fotos: Daniel Aratangy

2 Responses

  1. Tu foi bem casca-grossa hein brother!
    Parabéns pela estreia em grande estilo, que venham as próximas provas!
    Abraço

  2. Hehehe, sem noção mesmo!
    E vamos pras próximas, com certeza.
    Abração

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *