ilha mar SP travessia ubatuba

Maravilhas de Ubatuba


Remando de Stand Up Paddle por dois dos lugares mais bonitos da cidade paulista

Ilha dos Porcos e a mansão que está à venda

Esse remada aconteceu por pura curiosidade. Vi um anúncio assim: “Quer uma ilha só para você? A única casa da Ilha dos Porcos, em Ubatuba, está a venda por incríveis 30 milhões de reais. São nove suítes em 12 mil m2 de área total. Aproveite a oportunidade”! Oportunidade pra quem?, pensei. E quis conhecer esse lugar.

Ilha dos Porcos coma Praia da Almada no fundo da imagem
Preparação

Como sempre, dei uma olhada no Google Maps, medi as distâncias e tracei a rota. Decidi sair da Praia da Almada, dar uma conferida na Praia Brava da Almada e depois seguir para a Ilha dos Porcos. Foi um passeio fantástico, passando por alguns dos lugares mais impressionantes de Ubatuba.

Restaurante Mirante da Chica, na estrada que leva à Praia da Almada
Chegando na Praia da Almada

Antes de começar almocei no Mirante da Chica que fica na estradinha que leva à Praia da Almada. Lá tem comida caseira fresquinha e uma vista espetacular – a mais bonita da região, com certeza. A chegada na Almada foi conturbada. Quatro funcionários de diferentes bares correram para a frente do carro, cada um tentando ser mais rápido do que o outro para oferecer os serviços do seu estabelecimento. Com calma ouvi o longo discurso de cada um deles e parei o carro numa área pública e gratuita.

Saindo da Praia da Almada: começo da travessia
Começo da Travessia de Stand Up Paddle

Na praia, vi os bares, um encostado no outro, competindo para ver quem ouvia música no maior volume. Para mim isso é o inferno na terra, então agilizei o processo para sair remando o mais rápido possível. Tirei a prancha de cima do carro e levei até a água. O mar tava super flat, parecia uma piscina.

Vista da Praia do Engenho no fim da tarde
Caminho até a Praia Brava da Almada

No canto esquerdo da praia tava bem mais sossegado. Aí passei pela Praia do Engenho (que é uma comunidade caiçara) e pela pequena Praia Laço da Cavala. Continuei seguindo o costão de pedra até ver o mar aberto. Contornei a ponta, agora já com ondas um pouco maiores e vento mais forte. Do lado esquerdo vi as pedras gigantes que separam as montanhas do mar. Fui me aproximando da Brava da Almada aos poucos.

Vista aérea da Praia Brava da Almada, uma das mais bonitas de Ubatuba
Brava da Almada, sua linda!

De longe já deu para entender porque a Brava da Almada é considerada uma das mais bonitas de Ubatuba. Ela é toda tomada pela natureza. A Floresta Atlântica está em seu melhor estado, densa e exuberante. E morros bem altos, também cobertos por árvores nativas, aparecem por todos os lados, pertinho da água. Nos cantos, direito e esquerdo, rios desaguam água cristalina no mar.

Brava da Almada, com sua areia clara, ondas grandes e mata preservada
Mar bravo

Devido a sua localização, a Brava da Almada recebe muitas ondas e ficou famosa entre os sufista. Ela também tem uns bancos de areia no fundo, o que gera certa correnteza. Não é para iniciantes, rs. E realmente tive que avançar com muito cuidado para não ser derrubado antes de chegar na areia.

Deixando a prancha descansar na sombra enquanto me hidratava e comia
Passando a arrebentação

Na praia tinha apenas uma pessoa, pescando sozinha com vara. Parei um pouco mais afastado e aproveitei para hidratar e comer alguma coisa que tinha levado. Descansei alguns minutos e logo voltei pro mar. Atravessar a arrebentação não foi fácil. No último momento veio uma onda gigante que estava prestes a quebrar, mas passei por cima dela meio segundo antes do estouro. Ufa!

Vista do outro lado do morro da Praia Brava da Almada, com a Ilha dos Porcos no canto esquerdo da imagem
Rumo à Ilha dos Porcos

Depois de passar as ondas, ficou tranquilo remar. Voltei, agora com o costão de pedra a minha direita e na fim da ponta desviei em direção à Ilha dos Porcos. Tanto o vento quanto as ondas estavam ajudando nessa hora e cheguei rapidinho.

Ilha dos Porcos e a única casa de lá, que está à venda por R$ 30 milhões
Chegando de SUP na Ilha dos Porcos

A Ilha dos Porcos também tem o relevo bem acidentado. A mansão à venda fica incrustada no morro, bem na frente da única praia. A praia tem o formato de V, típico de praias de ilha, e a areia é super clara, deixando a água do mar ainda mais cristalina.

Praia da Ilha dos Porcos, também conhecida como Ilha da Almada

Peguei a luz do final de tarde, o que ajudou a realçar a beleza do cenário. Não dei muita atenção para a casa. Ela fica mais no alto do que o nível da praia e preferi curtir o visual da natureza que estava mesmo espetacular.

Fim de tarde na Ilha dos Porcos, em Ubatuba
Mordendo a língua

Antes do sol se pôr, subi na prancha e voltei a remar. As ondas e o vento tinham diminuído. Parecia que estava remando num lago, de tão parada que estava a água. Cheguei em poucos minutos na Praia da Almada e tive que morder minha língua. Cansado, sentei em um dos bares e pedi um açaí para refrescar enquanto curtia o reggae que tocava nas caixas de som.

Mapa da travessia de SUP em Ubatuba
DADOS DA TRAVESSIA DE SUP EM UBATUBA

Distância = 10 km

Duração = 2 horas de remada

Cidade = Ubatuba, SP

ALUGUEL DE PRANCHA DE STAND UP NA PRAIA DA ALMADA

Na própria Praia da Almada há alguns quiosques que alugam pranchas por hora. De lá você pode remar até a praia ao lado (do Engenho) ou se aventurar até a Ilha dos Porcos. Para os mais experientes, também dá para seguir até a Brava da Almada.

COMO CHEGAR NA PRAIA DA ALMADA

Saindo da Estrada Rio-Santos no KM 13, pegar a estrada secundária (também asfaltada) e andar mais 3 quilómetros.

Texto e fotos: Daniel Aratangy

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *