Loading...
11-sup-vitoriaaa
dicas

Prancha Inflável X Prancha Rígida

Dicas para escolher sua prancha de Stand Up Paddle

11-sup-vitoriaaa
Pranchas de Stand Up (rígida e inflável) na Ilha Vitória

 

Na hora de comprar uma prancha de Stand Up Paddle, escolhemos entre os diferentes tipos (race, touring, fun e surf) e se ela vai ser rígida ou inflável. Tudo que li a respeito não foi esclarecedor, por isso resolvi compartilhar minhas impressões. Aproveitei para fazer uma tabela de prós e contras e explico tudo a seguir.
 
PRÓS
CONTRAS
SUP INFLÁVEL
mais resistente
esforço para inflar
fácil de transportar
surfa pior
boa para corredeiras de rios
design
PRÓS
CONTRAS
não precisa inflar
frágil
SUP RÍGIDA
melhor para surfar
difícil de transportar
design
não pode ser usada em corredeiras de rios
 

sup praia do patacho
Prancha de SUP inflável na Praia do Patacho

Uso muito minhas pranchas e faço grandes travessias, como pode ser visto aqui no site, mas não sou um profissional. Tenho uma prancha Touring rígida de tamanho 12’6”, uma prancha Race inflável também de 12’6” e a minha primeira prancha que era uma inflável de 9’10”. Surpreendentemente não vejo muita diferença no rendimento das minhas duas atuais. Ou seja, faço o mesmo esforço e levo o mesmo tempo para percorrer 10 km com qualquer uma delas.
 
02-pranchas-de-stand-up-paddle
Minhas pranchas de Stand Up Paddle: a Tower 9’10“, a Brazzos 12’6“e a Art in Surf 12’6″

 

A inflável, obviamente, tem que ser inflada. Isso é chato, porque leva algum tempo (uns 10 minutos) e demanda um certo esforço. Aí penso “será que vale a pena inflar, só pra uma remadinha curta”. Acabo usando apenas quando sei que vou fazer um percurso mais longo ou quando vou usar por alguns dias seguidos. Com a rígida parece que estou sempre pronto e posso entrar na água a hora que quiser. Não bate preguiça.

 
 
08-stand-up-paddle-na-lagoa-azul
SUP inflável na Lagoa Azul da Ilha Grande – RJ

 

Por outro lado, a prancha de SUP inflável é bem mais resistente. As pessoas têm a impressão oposta, mas é isso mesmo. Com ela posso bater nas pedras, ralar em galhos, deixar cair, tudo sem deixar nem um arranhão. A minha prancha de Stand Up rígida já foi algumas vezes para o conserto. Qualquer toquezinho pode abrir um buraco. E isso não é pela qualidade da prancha. Aliás, quanto melhor a prancha, mais frágil ela vai ser, porque é feita para ser leve. É claro que existem as pranchas de SUP de plástico, mas essas são muito pesadas e não rendem nada. Não recomendo para ninguém.

 
img_2012a
Prancha rígida, na Represa de Paraibuna

 

Além disso tem a questão do espaço que a prancha ocupa. Quando a inflável está vazia, pode ser guardada dentro de um armário. E, se for viajar, ela cabe numa mochila grande que pode ser despachada sem dor de cabeça no avião.

 
sup paraty
SUP rígido na Praia de Antiguinhos, no município de Paraty – RJ

 

Eu não surfo, mas sei que as pranchas rígidas são bem melhores que as infláveis para quem gosta de pegar onda. Já pra quem gosta de remar nas corredeiras de rios, nem pode pensar em usar a rígida. Na primeira pedra ela vai se partir ao meio.
Outra coisa a se levar em conta é o design. Quando a gente vai para a loja, além de querer a melhor prancha, procuramos também a mais bonita. Afinal, é um grande investimento. E nesse sentido, costumo achar as pranchas rígidas mais interessantes.
 
sup-paraibuna-represa
Prancha Art in Surf na Represa de Paraibuna
 
O avanço por remada das duas é igual, então nem coloquei na tabela. E o preço varia muito. De modo geral, quanto mais cara a prancha de SUP, melhor ela vai ser. Mas uma prancha top inflável é muito mais barata que uma prancha top rígida. Assim, analisando os dados e levando em consideração a maneira como cada um vai praticar o Stand Up é fácil chegar a uma conclusão. No meu caso específico que praticamente não surfo, faço longos passeios, e viajo bastante, a prancha de Stand Up Paddle inflável é a mais recomendada. E para você?
 
Texto e fotos: Daniel Pluk

One Response

  1. Grato

    tirou minhas dúvidas de forma clara

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *