Loading...
internacional sup urbano travessia

Nos Canais de Amsterdã

Remando de SUP numa das cidades mais turísticas da Europa

Remando nos canais de Amsterdã
Lista dos Sonhos

Mantenho uma lista mental dos lugares que gostaria de remar. A maioria deles fica na natureza, lugares pouco conhecidos, de difícil acesso. Mas também tem aqueles mais famosos e urbanos, como Nova York, Amsterdã e Veneza. Desses três, já consegui remar em dois. Nova York foi há alguns anos e você pode ler o relato aqui. Amsterdã foi recente e foi incrível!

Turistando de SUP em Amsterdã
Os Canais de Amsterdã

A cidade é famosa pelos mais de 100 km de canais. Eles fazem parte de um sistema de proteção e escoamento da água. Afinal, Amsterdã está 2 metros abaixo do nível do mar e precisa se manter seca. Esse esforço de engenharia criou o ambiente perfeito pra locomoção pela água. Os canais são como ruas de uma cidade planejada. Por eles dá para chegar em qualquer parte desse super destino turístico.

Passando sob uma das tantas pontes de Amsterdã
Enchendo a Prancha

Como tinha ido a trabalho para Copenhague, na Dinamarca, resolvi estender três dias na Holanda, por minha conta. Levei a prancha inflável porque não achei nenhum lugar perto do centro que alugasse uma e remei todos os dias que passei ali. Inflei a prancha no primeiro dia, na Praça Rembrandt, que ficava bem na frente do hotel. Quando voltava pra base, em vez de desinflar e guardar no quarto, consegui um espaço na dispensa do hotel para manter a prancha inflada enquanto estivesse hospedado.

Reambrandt passando boas energias para a prancha de Stand Up
Turistando de Stand Up Paddle

Uma amiga foi me encontrar na cidade e fizemos os passeios juntos. Basicamente acordávamos, tomávamos o café da manhã e saíamos para remar. Parávamos eventualmente para comer alguma coisa, tomar um drinque e visitar os coffee shops. Como quase tudo fica na beira de algum canal, dava pra amarrar a prancha em um barco estacionado e sair para uma volta ali por perto.

Prancha amarrada num barco estacionado, para poder dar uma volta a pé
Amsterdã e o SUP

Nos três dias vimos apenas outros três supeiros, todos com pranchas infláveis. Dois pareciam turistas como a gente e um era morador. Vimos ele entrando na casa na beira do canal. Confesso que esperava ver mais gente remando. Tinha lido umas matérias aqui no Brasil dizendo que os holandeses usavam o SUP para ir ao trabalho, fazer compras e tudo mais. Mas ainda deve ser uma parte muito pequena da população.

Um canal mais bonito que o outro em Amsterdã

O SUP seria uma ótima alternativa de transporte mesmo. As ruas são muito estreitas e praticamente não há vagas para os carros estacionarem. A maioria das pessoas se locomove de bike, mas são tantos turistas circulando que fica difícil sair do lugar. Nos canais tem um pequeno trânsito de barcos turísticos, mas não é nada comparado ao caos das ruas.

Passeando de SUP por Amsterdã
Projetos Futuros

Com esses dias em Amsterdã só fica faltando Veneza na minha lista de remadas urbanas dos sonhos. Fico imaginando como vai ser. Os gondoleiros reclamando, os taxi boats acelerando, aquele cenário que parece filme. Deve ser um caos, mas vai ser bem divertido. Espero conseguir ir logo!

Remando em Amsterdã

Texto e fotos: Daniel Aratangy

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *